Arquivo da tag: faculdade

(daqui)

***

sono lascado por aqui, nem parece que foi feriado uns dias atrás. pra não perder o costume, digo que NEM O BBB eu tenho visto. NEM O BBB. vê que mundo cruel.

***

e a faculdade, que nem começou direito. MEDO de mim no final do semestre (ando literalmente descabelada e estamos em março. descabelada, sabe assim?).


não sei bem o que esperar desse ano com relação à faculdade. a formatura me parece tão distante e eu tenho TANTAS HORAS de atividades complementares pra fazer até dezembro que, de verdade, não sei. então não tou contando muito com isso. a formatura e tals. pode ser que eu me enrole até lá.


o curso também tá mais pra lá do que pra cá, se você quer saber. imagine que na grade curricular de 2006, quando eu entrei, a expectativa era ir do Cálculo Atuarial 1 ao Cálculo Atuarial 6.


no penúltimo semestre, estamos no Cálculo Atuarial 2. esqueceram de alguma coisa ou eu simplesmente dormi.


é meio triste dizer isso, mas nesse momento eu não consigo me importar.

***

temos professores novos em folha também. um deles tinha sido convocado pela faculdade para dar sua primeira aula duas horas antes de nos conhecer. imagina a animação da criatura. ANIMADO com maiúsculas.


um troço triste isso aí de professor recente. não sei se em todo lugar é assim, mas eles chegam tão confiantes no ser humano-aluno, que me dá vontade de chorar. de tristeza. de PRESSENTIR a queda.

***

sobre um assunto que eu não falo há tempos, mas continua tirando minhas noites de sono: a falta de lógica arquitetônica em banheiros coletivos.


depois de um abaixo assinado (pessoal lá na sala ADORA abaixo-assinado), mudamos de sala de aula. convenhamos que a sala anterior era uma verdadeira tortura. acho que eles dividiram umas salas antigas pra formar mais turmas e esqueceram de um detalhe mínimo: a ventilação. afinal de contas, PRA QUÊ janela? enfim, depois do auê mudamos de sala.


daí que as novas instalações são ventiladas, frescas, confortáveis e cheirosas*. só que. a janela do único banheiro feminino do andar dá pra DENTRO da nossa sala. JURO. e gente, o prédio é ótemo, tem quatro salas por andar e é SUPER silencioso. mas e se eu precisar cagar? soltar um peidinho? falar ao telefone? como faz? vou ter que compartilhar com a SALA TODA?


só sei que tou lascada. meu intestino é nada seletivo e obediente. ele QUER funcionar, ele VAI funcionar.


agora com platéia.

***

* isso aí já virou mentira. a sala era uma belezinha, ATÉ que parou de ventar e os ventiladores não funcionaram. na semana seguinte, as cadeiras meio confortáveis foram trocadas pelas cadeiras horríveis da sala anterior. eu que nunca vou mesmo, fico achando engraçada a situação. pessoal fico em POLVOROSA, vocês precisam ver. agora é esperar mesmo, o sérgio malandro aparecer e mostrar as câmeras escondidas. glu-glu e tals.



Anúncios

o cfc acabou (e eu sobrevivi às tentativas de aproximação de miguxas e miguxos), o brasileirão chegou ao fim (e eu não vou mais ter que aguentar belisco rouco e torto por conta dos jogos), o semestre da faculdade tápracabar (com um exame prafazer, tou achando, vou saber só na quarta) e a tpm tá nas últimas (a PIOR dos últimos tempos. nem queira saber).

amanhã eu volto, linda e loira.

tava começando a fazer um post-tamanho-família quando lembrei da prova de microeconomia.

então fica praoutra hora.

e pra não dizer que eu só quero saber da kathleen hannah, vou de sleater-kinney, mostrando que É POSSÍVEL usar suporte de gaita COM DIGNIDADE.

inshalá.


maior correria por aqui. microeconomia me possuindo, dos pés à cabeça. sexta-feira acaba, até que enfim.

até lá, mutcho ôro pra vocês.


ranking das disciplinas mais chatas do universo:

3º lugar – demografia

2º lugar – matemática aplicada

1º lugar – análise de demonstrações contábeis.

veja bem, é um ranking de CHATICE, não de dificuldade. contabilidade é um troço que não me desce MESMO. access taí néam. excell taí. que tal automatizar tudo e estamos conversados?

mas não. é preciso METER A MÃO NA MASSA. sinceramente, não entendo.

(pelos meus cálculos de boteco, não tem UM DIA que fulano não LANCE um carro novo. tudo muito moderno, tudo muito chique, tudo muito bão. agora, parar 10 minutos do seu dia pra inventar coisa que PRESTE, ninguém quer né? gente, chega de contabilidade óquei?! e outra, cadê o aspirador de pó silencioso pra eu poder, de uma vez por todas, ASPIRAR os meus gatos, ahn? ahn?)

inventores, vamos conversar mais com as amigas donas de casa. ficadica.

eu trabalhando.

***

altos babados na terra dos aspones.

já falei que é uma empresa familiar? então, é. praticamente uma TERAPIA familiar. pessoal não gosta de psicólogo e tals, aí me contrataram, pra ADMINISTRAR as desavenças.

támarrado.

***

mas tou correndo viu. não pense você que eu resmungo e me acomodo. nananinanão. hj fui aos confins de santo amaro.

a vantagem de estar empregada, mesmo que MAL empregada, é que dá tempo de escolher outra coisa.

então é isso. tou num momento de escolhências.

***

semana de provas, aproveitando o ócio pra ler todas as apostilas que eu deveria ter lido desde o início do semestre.

até o dia 05.12 quem me viu, mentiu.

*

eu não sei você, mas quando eu começo alguma coisa, é uma questão de honra, vou até o fim.

e por isso eu tenho esse problema né. de NÃO começar as coisas. PROCRASTINO até a hora da morte MESMO. e depois vai que vai.

o lance é que a faculdade tá nisso aí. demorei HORRORES pra decidir o que fazer. HORRORES. aí decidi e agora tássim, mais pela HONRA de terminar essa porcaria do que por qualquer outro motivo.

a questà é que não rolou. não aconteceu O ESTALO. de, oh, que maneira legal de se viver. definitivamente não. por outro lado eu não sei MESMO o que eu faria se não fosse isso. tédio pras outras coisas. tédio. então não tenho do que reclamar né. vou fazendo, vai acabando e vamo que vamo.mas eu tou decidida a fazer uma coisa BEM diferente quando acabar essa aqui. tipo, reflexologia, haha, ou coisa assim. pra descontrair. nunca mais quero ver binômio na minha frente.

*

e as pessoas né. três fucking anos atrás eu pensei – uma hora eu me entroso. que nada. eu tenho cada vez MENOS vontade de me entrosar. tédio de novo, puro e simples. ouço falar comigo e DEMORO pra responder. porque fico pensando – por que deus, pq? olha pro outro lado! NÃO FALA COMIGO. – aí respondo né. tudo bem, e vc? MORRO de tédio daquele pessoal.

e nem tou querendo isso da próxima vez viu. preciso achar um curso com pessoas acima de 12 anos pelo menos.

*

eu já falei, mas PRECISO repetir. ZORRA TOTAL aquela turma, sabe como? fulano fala COCÔ e, cai TO-DO-MUN-DO na gargalhada.

coisa linda de se ver.

*

tou assim porque tou ATOLADA com o pré-tcc. meu grupo é formado por um bando de meninas metidas, que na hora H não querem colocar a mão na massa. fodi-me toda, isso sim.