Arquivo do mês: janeiro 2009

picinguaba. ô lugarzinho ruim.

picinguaba. ô lugarzinho ruim.

indo ao litoral. pegar barco à noite tá me deixando um pouco tensa, mas acho que vai ser ok. testar a máquina fotográfica nova, celebrar o ano novo VERDADEIRO, pegar umas ondas (?) e me preparar pra começar no trabalho novo.


o lance é que, por conta de burocracias e negociações, a coisa toda demorou quase UM MÊS pra vingar. um mês com gastrite e insônia, já que eu reajo MUITO bem à indefinições. de lá pra cá quem perguntou – e ae, começou na trabalho novo? foi solenemente ignorado. montes de e-mails não respondidos. provando que, sim, eu (não) sou capaz de lidar com situações como essa de forma madura.


enfim, semana que vem a tortura acaba e as férias remuneradas (vulgo, trabalho antigo) terminam. chega de ócio criativo por enquanto.


não teremos internet e televisão, então só vai rolar de ver bbb se acharmos um boteco ou restaurante com tv quando formos comer em paraty. considerando que eu NÃO SOU uma pessoa paraty*, vou acabar ficando desinformada mesmo. tou desde ontem INCONFORMADA com a liderança do mr. newton sem noção.


* os paralelepípedos de paraty ACABAM com a minha paciência. não é possível andar SEM OLHAR PARA O CHÃO. a cidade pode ATÉ ser bonita, mas ter que PARAR pra poder aprecia-la é um troço que me dá um desgosto IMENSO. perdi as contas de quantas vezes torci o pé por lá. um terror, um terror. eu posso até ACEITAR esse lance de cidade histórica e blá, mas francamente, ESTAMOS EM 2009, que mal faria um asfaltinho? algumas coisas são ÓTEMAS nos museus, mas simplesmente NÃO FUNCIONAM na vida real.


Anúncios

para as MILHARES de pessoas que aparecem aqui buscando – gostosa bbb, michelle bbb, putaria bbb, etc, etc.

eu IA escrever sobre o big brother e tals, mas os blogs ESPECIALISTAS são TÃO legais e eles dão TANTO um banho em qualquer outro meio de comunicação, que achei desnecessário.

então ó, entrem aqui, aqui e aqui. e só, não precisa nem assistir ao programa ;). as MELHORES coberturas do GRANDE EVENTO DO ANO. obama, oi?

só pra constar. tou gostando DEMAIS hein, boninho tá que tá esse ano. (vamos rezar pra ele não cagar com essa história de COISA de vidro. eu ESQUECERIA o pessoal lá, já que o shopping mesmo deve tádorando e tals.)

pra esse ano novo, eu tenho só uma GRANDE resolução*:

não praguejar.

sabe quando você desliga uma ligação INCOVENIENTE e fica mandando a pessoa tomar no cú sozinha?

ou quando tácarregada de tralha e de repente elas começam a CAIR e te obrigam a largar TUDO pra catar de novo e você abaixa e manda aquela tranqueirada toda à merda?

ou quando você corre pra pegar o elevador, não dá tempo e você dá AQUELA bufada?

então, é isso aí que eu não quero mais fazer.

mas é um EXERCÍCIO hein. depois que comecei a REPARAR quantas vezes eu praguejo por dia, quase tive um troço. o computador pára de funcionar, eu BUFO. automaticamente. como se isso, de alguma forma, fosse ALIVIAR o meu stress enquanto ele não volta à vida. eu pego o celular pra fazer uma ligação, percebo que a bateria tem SEGUNDOS de vida, e xingo. pra, sei lá, compensar o fato de eu não ter colocado pra carregar na noite anterior.

ontem então. AQUELA chuva, AQUELA imundície de trânsito, celular tocando com gentes perguntando pela quinquagésima vez – onde você tá? – fome, sono, etc, etc, etc. imagina quantas vezes eu não tive vontade de começar a resmungar dentro do ônibus? milhares. MILHARES de vezes. e pra quê? pra AJUDAR o motorista a ir mais rápido? não. só por resmungar mesmo.

o lance é que eu também descobri que praguejar não me alivida EM NADA, é só uma mania FEIA. não dá sensação de frescor, de alívio, de leveza. nada nada nada. é um troço que eu faço e nem percebo.

porque, veja bem, se me trouxesse algum alívio à alma, não pensaria DUAS VEZES em não só PRATICAR, como AUMENTARIA as doses diárias de resmungos.

e acho feio. vejo os outros fazendo e penso ai credo, não quero ser assim. já viu gente resmungando em fila de banco? ou na fila do supermercado? gente sozinha bufando e virando os olhos? então, eu já, e acho que imprime azedume.

e como todos sabem, eu sou um DOCE de pessoa :/

por último, mas não menos importante. situações praguejantes acontecem TODA HORA. só que se você bufa TO-DA-VEZ que a impressora não funciona, o telefone fica sem sinal, o elevador demora, etc, dá MUITO a impressão de que você É uma pessoa CAGADA. impressão essa, que francamente, eu não tou numas de passar.

então é isso. essa é a minha GRANDE meta de 2009. parar de praguejar, bufar, resmungar sozinha e revirar os olhos. chega. se eu tiver que mandar alguém ou alguma coisa à merda, vai ser aqui, POR ESCRITO. afinal de contas esse blog tem que ter ALGUMA utilidade.

* não se enganem. o ano que vem só começa na segunda-feira hein, ano do BOI. isso aí que você comemorou, sinto te desapontar, foi uma GRANDE FARSA.

glasses

dor de cabeça monstro o-dia-in-tei-ro.


já tem algum tempo que eu venho tendo altas dores de cabeça. mesmo antes do exame de vista pra tirar carta de motorista, em dezembro. eu olhava, olhava, e nada, não tinha idéia de que letra tava na minha frente. o tiozinho perguntava, tá vendo nada? então, a LUZ eu vejo, a letra não. então desencosta, e nada. encosta de novo, e nada.


até que ele desencanou e me passou no exame mesmo assim. vê que maravilha.


hoje eu tava lembrando que, sim, já usei óculos de grau. até perder, refazer e perder de novo, aí desencanei. afinal de contas, eu nunca tinha notado NENHUM problema de vista ATÉ ir ao oftalmologista. parecia que eu tinha sido INDUZIDA a não enxergar as coisas, sabe assim? e segui a vida.


só que, né, isso tudo aconteceu quando eu tinha DEZESSEIS anos. sabe DEZESSEIS anos? sabe há quanto tempo eu não tenho DEZESSEIS anos? há DEZ fucking anos. tem noção do que dez anos representam à miopia da pessoa? o que antes era uma impressão, virou uma certeza. ok, preciso de óculos.


então amanhã tenho oftalmologista. tou ANIMADA pra escolher uma armação moderna, hahahha, NOT. veremos, veremos.


(não consegui nem acompanhar o bbb hoje, vê que dureza.)

tira-4

dos grandes questionamentos da vida.

fruttare-picole

se o sorvete é de abacaxi e os pedaços são de côco.

fruttare-embalagemnão deveria ser abacaxi COM côco?

ué.

e côco, continua com acento?

passei TRÊS HORAS dentro de um ônibus, no trânsito e na chuva. vê se tem alguma condição, disso acontecer na última semana d’a favorita.

***

pausa no bbb. mas gente, marcelinho da lua tá discotecando hein. MARCELINHODALUA. oi, adoro? bora parar de tocar amy winehouse e colocar um black alien pra gente dançar também, ahn, que tal?

***

momento recomendo 2009. a denise, do blog síndrome de estocolmo, deu o link pra baixar ALTOS livros incríveis. baixei TODOS, tirando uns poucos que eu já tinha aqui. vá lá vá.

***

mas voltando à programação normal de futilidade, dona naiá foi drogada antes da festa hein. se ela não fechar essa boca a dentadura vai sair pulando já já.

mas amanhã eu falo mais de bbb.