happy-christmas-face

ah, o natal.

ao contrário da maioria das pessoas, não me incomodo com o tal do consumismo natalino. adoro uma desculpa, ainda que esfarrapada, pra presentear e ser presenteada. o pior seria um feriado cristão onde eu fosse obrigada a ir `a aparecida do norte rezar de joelhos. aí sim eu me matava.

mas esse feriado aí, do tal do cristo, até que é bem divertido. FERIADO e troca de presentes, hahaha, vou reclamar de quê, deosdocéu? e presentear, veja bem, não significa exatamente sair estourando o cartão de crédito por aí. pode ser um cd gravado, uma cartinha divertida, uma toalhinha com bordado personalizado. o que me diverte mesmo é colocar a cabeça pra funcionar e ESCOLHER* o que dar. mas também tudo depende de quanta grana eu posso gastar no momento. se as vacas estão gordas, admito, me dá gosto COMPRAR COISAS pros outros.

eu, definitivamente, não embarquei na onda do consumo sustentável. o que não é motivo de orgulho, veja bem, só não consigo entender TANTO discurso contra natal, contra o dia das crianças, contra páscoa e blá, e dá licença que tá na hora de trocar presentes. me remete `a velha CULPA cristã. pessoal ADORA sentir culpa, MOSTRAR AO MUNDO que oh!, tou comprando mas tou sofrendo. oh!, tou comprando por conta da pressão social. mas no fim das contas, nunca vi alguém não sorrindo ao ganhar/dar alguma coisa a quem se ama.

então, desse grupo aí, cheio de pudores, eu tou definitivamente fora.

o que incomoda mesmo nisso tudo é o tal do ESPÍRITO NATALINO. essa coisa de ser abraçado por pessoas que eu nunca quis ser amiga, ter que desejar boas festas, feliz ano novo, blablabla, quando eu mal lembro do nome da criatura. ah, isso sim é MUITO MUITO chato.

* por isso eu REJEITO todo ser humano que presenteie com VALE-PRESENTE. escolher presente é TÃO LEGAL, e é uma demonstração TÃO CLARA de quanto você conhece alguém, ou quanto você ao menos tentou agrada-la. eu adoro essa parte.

mas como toda regra, é claro, essa também tem uma exceção. amigo-secreto da FIRRRMA. aí o vale-presente não só é bem-vindo, como RECOMENDADO. porque né, ninguém é OBRIGADO a participar E passear no shopping pra escolher o que dar. e se acabar optando por passear no shopping, acredite em mim, vai acabar escolhendo o presente mais porcaria possível. como da vez que eu ganhei um livro de auto-ajuda. ou da vez que eu ganhei uma blusa tamanho G. ou aquela mini-blusa branca, DAQUELE amigo-secreto. enfim, é desastre na certa.

Anúncios

5 Respostas para “

  1. Situação difícil… se consumirmos como consumimos, o mundo acaba, se não consumirmos, também… como gerar um bilhão de microempresas produtoras de artigos locais, sem agressão ao meio-ambiente e….alguém sabe?Que 2009 seja verde e mais politicamente correto!

  2. das couves (é sério isso? vc é amigo do mandioca? hahaha) – então. pois é. isso aí. rss.

  3. Bom, se é assim, vou dar o vale-presente que eu tinha comprado pra você na Loteria pra outra pessoa.

    E não conheço nenhum das couves não. AQUI É RAIZ, NÃO FOLHINHA, PORRA.

  4. Oi! Meu comentário foi “no sense”. desculpe. Deveria ter dito “Oi! Gostei do post…”.
    Não sou amigo do mandioca, não! Mas homem que gosta de mandioca não é pederasta?

  5. hahaha, não não, não é pra se desculpar. é que esse lance de dascouves é um tanto estranho não? aí fiquei tentando descobrir de onde vinha, só isso mesmo. não há regras de COMO COMENTAR, haha, mas se você queria deixar alguém curioso, tcharam, you got me. enfim, enfim, pederastas e hortifrutigranjeiros são sempre bem vindos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s