***

livrinho da natura. desodorantes em creme: chá verde, algodão, leite natural, leite de arroz.

hm. sei.

vou escrever pro sac. sugerir leite integral com sucrilhos e algodão com muda de feijão.

ficadica.

***

ó a maravia. a aula de alemão que aconteceria no sábado foi reagendada para domingo.

porque, vocês sabem, a minha irmã é uma pessoa extremamente ocupada.

no sábado de manhã. pff.

melhor não tentar entender.

***

não acho certo a UOL usar crianças em fase de alfabetização pra traduzir as matérias gringas.

ah, não são crianças. são adultos da programa Analfabetos Funcionais. ou estagiários emaconhados. ou o próprio gringo. que não fala português. 

saquei.

***

gonzaguinha e eu tivemos A idéia que te fará sentir.

a warner que nos aguarde ;)

***

olha. não é fácil trabalhar em alphaville. não é fácil acordar de madrugada pra pegar fretado e voltar pra casa praticamente no dia seguinte. não é fácil almoçar todo dia a mesma comida. mas sabe. são coisas com as quais eu escolhi conviver. não posso dizer que me fuderam por trás porque, enfim, ninguém (além de mim) me obriga a vir trabalhar to-do-san-to-di-a. money que é good nóis num have nem trabalhando. imagina ficando em casa.

o que não dá pra aguentar é de repente ter que dividir o andar com 299 pessoas. eu sou a 300ª, no caso. trocentésima. e aqueles raros momentos de paz e tranquilidade durante o dia de repente viram um rally. uma estação sé no horário de pico. uma 25 de março em véspera de natal. essas coisas que eu adoro.

ir ao banheiro é uma prova do survivor vanuatu. sem a praia, claro. nos últimos 10 minutos levantei TRÊS vezes pra ir ao banheiro e não consegui finalizar o procedimento. três vezes. visitando os banheiros femininos do andar. pra voltar do mesmo jeito. apertada. 

na melhor das hipóteses os banheiros estavam ocupados. na pior o assento do vaso tinha um borrão cor de bosta. feito de bosta.

aí não dá. porque a gente trabalha em OUTRO MUNICÍPIO. que fica há horas das nossas próprias casas. e trabalha das OITO as DEZOITO. são dez horas aqui dentro e três horas no trajeto de ida e volta. TREZE HORAS, entende? e não há banheiro suficiente pra esse bando de mulher que caga horrores, mija o dia inteiro e além de tudo É POOOORCA!

e tudo o que eu quero é fazer é um xixizinho básico. praticamente água. inofensivo. agora imagina querer dar AQUELA cagada. impossível. com um monte de gente entrando e saindo e tagarelando e expelindo seus próprios excrementos no quadradinho ao lado. não dá.

deve ser algum tipo de experiência. com câmerazinhas escondidas e passagens subterrâneas. eles observam e aguardam a revolta. quando acontecer as saídas serão obstruídas e a comida racionada. escolheremos um líder que decidirá quem entra e quem sai do banheiro. reinará absoluto.

é. faz algum sentido.

***

Anúncios

Uma resposta para “

  1. é nóis nA idéia, lu. não paro de pensar nas possíveis pessoinhas escolhidas a dedo… hoho

    não sei se já te contei, mas quando eu trabalhava no antigo ‘serviço’, uma amiga estava neurótica com as usuárias do banheiro que deixavam o papel virado pra cima no lixo. daí ela deixou um bilhete imenso no banheiro (eu fiquei na porta fazendo a segurança) dizendo:
    POR FAVOR, JOGAR O PAPEL NO LIXO COM A BOSTA VIRADA PRA BAIXO!
    hahaha. adoro isso!

    beijoca! :o)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s